Dia de São Valentim - Anedotas

  • Um casal, sentado em frente ao advogado.

O advogado: - Que triste, depois de tantos anos de união, o Sr. com 79 anos e a Sra. com 75 anos, agora resolvem separar-se. Expliquem-me o motivo, quem sabe poderemos resolvê-lo.
Ela: - Ele tem somente uma erecção por ano.
Ele: - E ela quer que eu a desperdice com ela...


  • O marido chega a casa preocupado a casa e diz à esposa:

- Tenho um problema no trabalho!

Mulher:

Não digas «tenho um problema», diz temos um problema, porque os teus problemas são meus também, amor!

Marido:

Ok, temos um problema no trabalho! A nossa secretária vai ter um filho nosso!


  • Para celebrar o Dia Dos Namorados, um casal vai jantar fora.

Enquanto escolhiam os pratos, ele tentou lembrar-se de alguma coisa bonita para dizer à namorada.Olha para o lado e ouve um casal de namorados:
"Queres mel, minha abelhunha? Queres morangos, meu moranguinho?

Inspirado ,o rapaz, vira-se para a namorada e diz-lhe:
-Queres presuntinho, minha porca?


  • Um jovem moço, recém-casado foi se confessar. O jovem

pergunta ao Padre:
- Padre, o senhor acha certo as pessoas ganharem
dinheiro com os erros dos outros?
O padre responde:
- Não meu filho! Claro que não!
O Jovem fala:
- Então, devolva o dinheiro do meu casamento!


  • Chega um homem danado a casa e diz à mulher:

- Maria, o namorado da tua filha escreveu o nome dela com chichi no muro!
Responde a mulher:
- Ó homem, deixa lá. Tu também costumavas fazer isso quando eras mais novo!
- É, mas está com a letra dela! - responde o marido.


  • Diz a mãe para a filha:

- Ó filha, tu gostas do teu namorado?
- Gosto! Ele até me chama: minha gatinha; minha coelhinha!
- Pois é! Mas depois os animais vão crescendo. É minha vaca, minha baleia...


  • Estava um casal de namorados a namorar quando o rapaz tem uma tremenda

vontade de escarrar. Pensa ele:
- Bem, se eu escarro para o chão ela chama-me porco; se eu engolir é nojento
De repente a rapariga dá-lhe um tremendo beijo na boca e diz:
- Apanhei-te a chiclete. Apanhei-te a chiclete!


  • Num autocarro um casal de namorados sentam-se num banco e a mãe dela senta-se

num outro mais à frente.
Quando o revisor chega ao pé dela para lhe cobrar o bilhete, diz a filha:
- Oh mãe, não é preciso que o Mário já tirou os três!
O condutor olha pelo retrovisor para a rapariga (que por acaso era boa como o
milho) e respira fundo:
- Ah grande Mário!


  • Está um rapaz em casa da namorada. Pergunta-lhe então a mãe da namorada:

- O senhor está com frio?
- Não, porquê?
- É que o senhor está com pele de galinha!
- Ora essa! A senhora também tem cara de vaca e eu nunca lhe disse nada!


  • A filha ao contar ao pai que tinha um namorado, ele começa logo a perguntar:

- Ao menos é um rapaz poupado?
- É papá, olha ainda na semana passada quando lá fui a casa e os pais dele não
estavam, a primeira coisa que ele fez foi apagar a luz!


  • Um jovem estava num baile e era apaixonado por uma rapariga mais velha que

ele. Quando o conjunto começou a tocar, a jovem entra no salão e o adolescente,
cego pela paixão, vai ter com a mulher amada:
- Dás-me o prazer desta dança?
- Eu não danço com crianças!
- Desculpa, não sabia que estavas grávida.

Feliz dia de São Valentim

Um comentário:

Cláudia disse...

Imagem terrivel --'

Related Posts with Thumbnails